teste

sábado, 7 de outubro de 2017

"Perdi uma avó dedicada, uma amiga e grande conselheira", lamenta ACM Neto

[

O prefeito ACM Neto lamentou o falecimento da avó, Arlete Maron de Magalhães, 86 anos, na manhã deste sábado (7). "É um momento de dor para toda a família e para aqueles que conviviam com dona Arlette. Perdi uma avó dedicada, uma amiga e grande conselheira".

A ex-primeira dama da Bahia e viúva do ex-senador Antônio Carlos Magalhães (ACM), faleceu após um Acidente Vascular Cerebral (AVC). Ela estava internada no Hospital Cardio-Pulmonar, na Avenida Garibaldi, em Salvador.
A família Magalhães informou que às 16h deste sábado acontecerá uma missa de despedida no cemitério Campo Santo, na Federação, e o sepultamento será às 17h.
Filha de imigrantes libaneses que desembarcaram no sul da Bahia no início do século XX, dona Arlette nasceu em Itabuna no dia 15 de novembro de 1930. 
Ela veio morar em Salvador para estudar, onde conheceu o futuro marido, ainda estudante da Faculdade de Medicina da Ufba. Dona Arlete e ACM ficaram casados por 55 anos, até a morte do senador, em julho de 2007. 
O casal teve quatro filhos: Antônio Carlos Júnior, Teresa, Ana Lúcia e Luís Eduardo.  

0 comentários:

Postar um comentário

Facebook Favorites More