teste

terça-feira, 10 de julho de 2018

Camamu: Homem que matou senegalês "MAMADOU", no são João, morre em confronto com a Policia ontem 10/07/18



Na tarde desta segunda-feira, o indivíduo de nome AGNO DE JESUS DA HORA, 30 anos, nascido a 11/11/1987, morador do Dendê de Baixo, em Camamu.  Veio a óbito durante um confronto com policiais militares das Guarnição RONDESP Sul e Guarnições de serviço ordinário de Camamu e Travessão. Segundo informações, AGNO foi o autor do roubo em um estabelecimento comercial ocorrido na noite do último domingo neste município. Após o recebimento de novas informações, os policiais conseguiram encontrar AGNO na região conhecida como Dendê, na casa da irmã, em posse de um revólver. Durante a abordagem, AGNO não obedeceu a ordem dos policiais e ainda fez disparos contra a guarnição, a qual imediatamente revidou a injusta agressão. AGNO foi socorrido pelos policiais ainda com vida, sendo levado ao hospital deste município, porém não resistiu e foi a óbito.

Segundo o Delegado Gilmar de Meireles Prates, AGNO estava sendo investigado há alguns dias, pois após informações de populares e reconhecimento fotográfico feito por testemunhas, AGNO foi identificado como sendo o indivíduo autor de um latrocínio (roubo seguido de morte) ocorrido durante as festas de São João neste município, na Ladeira do Paraíso, em que MAMADOU AMATHE DEME, nacional de Senegal, com 32 anos de idade, foi alvejado com um disparo de arma de fogo após ter seu dinheiro roubado. MAMADOU era nacional de Senegal e atualmente residia na cidade de Itacaré/BA e estava trabalhando com vendas de artesanatos. Informou ainda que no momento do crime, AGNO estava na companhia de mais dois indivíduos, os quais já foram identificados pela Polícia Civil.


Ressaltando que durante as buscas onde estava o resistente, em um guarda-roupas no quarto, foram encontrados 04 (quatro) pedaços pequenos de uma erva esverdeada, prensada, aparentando ser maconha, acondicionada em sacos plásticos e papel alumínio, pesando aproximadamente 07 (sete) gramas cada, prontos para a comercialização, bem como, 02 (duas) pedras de substância aparentando ser a crack, também acondicionadas em papel alumínio e mais 01 (um) pedaço prensado de uma substância análoga a maconha, pesando aproximadamente 86 (oitenta e seis) gramas, acondicionada em sacola plástica. Na ocorrência foi apreendido 01 (um) revólver calibre .32, de marca INA,  número de série 00445, com 03 (três) cartuchos intactos e 02 (dois) deflagrados.


Matéria: Darque Correia/Camamu Atual

Fontes: Policias Civil e Militar


0 comentários:

Postar um comentário

Facebook Favorites More